Pós-graduação EAD

Quais as diferenças entre cargo trainee, júnior, pleno e sênior?

Na busca por vagas, é natural se deparar com algumas denominações como: trainee, júnior, pleno e sênior. Mas, o que será que isso significa? Nem todos os profissionais entendem esses níveis de hierarquia, e apesar de possuírem determinadas características, cada empresa determina os critérios para as vagas.

Sendo assim, o esquema de senioridade pode variar, mas selecionamos as principais características que diferenciam um cargo trainee, júnior, pleno e sênior para você não ter mais dúvidas quando se deparar com esse nomes. Vamos lá?

Plano de carreira trainee, júnior, pleno e sênior

Para ter sucesso profissional, é preciso pensar a longo prazo. Por isso, estruturar um bom plano de carreira é tão importante. É através dele que será possível identificar melhorias e antecipar ações na sua vida profissional.

Esse plano, porém, não é construído apenas por parte do funcionário. Empresas sérias e mais consolidadas possuem um plano de carreira com o objetivo de reter talentos e aproveitar o máximo deles. Por isso,  estes níveis ajudam a  traçar metas, abrir novas vagas e orientar o crescimento profissional de quem faz parte da equipe.

Abaixo, selecionamos algumas características para entender o que é trainee, júnior, pleno e sênior. Mas lembrando que é a empresa que denomina a senioridade de um cargo, de acordo com o que ela atribui mais pesos, seja na responsabilidade, maturidade profissional, complexidade de tarefas e/ou tempo atuando na profissão.

O que é trainee?

O trainee é uma posição, como o próprio nome sugere, de treino. Geralmente este tipo de cargo é oferecido para recém-formados ou quem está no último ano da graduação, com o objetivo de preparar o profissional como nível júnior.

Nesta posição, ainda não é esperado qualquer tipo de experiência anterior, embora algumas habilidades e competências sejam solicitadas. Para vagas que pedem trabalhos mais metódicos, por exemplo, é ideal que o candidato tenha um perfil analítico.

É natural que durante o processo o trainee passe por mais de uma área, tenha contato com lideranças, seja exposto a grandes desafios e tenha um crescimento acelerado. A vaga é geralmente oferecida em formato de programa, durando entre 6 meses até 2 anos.

O que é nível júnior?

O júnior vem logo após o trainee, porém não é obrigatório ter passado por uma experiência anterior. Este nível requer algum nível técnico, para desempenhar as funções do dia a dia, mas possui pouca experiência profissional. Geralmente são vagas oferecidas para recém-formados ou pessoas em transição de carreira.

O nível de experiência na função pode variar, mas geralmente não passa de 5 anos. As atividades exercidas são simples e profissionais nesse nível não possuem autonomia para tomar decisões, precisando de um gestor para acompanhar as suas funções diárias.

É importante mencionar que o tempo exercendo uma função é algo muito particular, algumas pessoas desempenham funções com menos tempo e já possuem maior maturidade profissional. Sendo assim, nem sempre o tempo de atuação é o que vai determinar o nível de senioridade.

O que é nível pleno?

Já o profissional de nível pleno tem mais maturidade profissional e consegue desempenhar funções com maior grau de autonomia. Este nível exigirá a execução de tarefas mais complexas, mas possui decisão limitada, sendo a palavra final ainda de um superior.

O profissional de nível pleno geralmente possui pelo menos um curso de pós-graduação, especialização ou MBA, com uma experiência na função em torno de 6 e 9 anos, mas pode variar de acordo com o plano de carreira da empresa de que faz parte.

Como são vagas que pedem um conhecimento técnico mais aprofundado, possuem salários mais altos do que os níveis até aqui mencionados, sendo importante que o profissional se mantenha atualizado para dar conta das funções do dia a dia.


O que é nível sênior?

E chegamos ao nível sênior, onde o profissional já possui autonomia dentro do trabalho, liderando projetos e equipes. As responsabilidades de um profissional sênior são altas, pois ele é experiente e muitas vezes já possui pós-graduação.

Em muitos casos, o tempo de experiência de quem é nível sênior é acima de 10 anos. Embora essa seja uma média, profissionais com menos tempo de mercado podem desempenhar as funções desta denominação, caso tenham a maturidade que a vaga pede.

Por ser um cargo mais alto, profissionais deste nível trabalham próximos a diretoria e seus salários podem ser até 4 vezes mais altos em comparação aos salários do nível júnior.

A importância da pós-graduação na carreira

Com todas essas informações, fica nítido que um crescimento profissional só é possível com comprometimento e planejamento. Embora não seja apenas uma iniciativa do profissional, mas também da empresa, é importante estruturar um plano de carreira pessoal para conquistar cargos cada vez maiores.

Com isso, vale salientar a importância de ter uma pós-graduação para embarcar em novos desafios, possibilitando te certificar como especialista em uma determinada área e te preparando para trabalhos com maiores responsabilidades e maior autonomia.

Os cursos de pós-graduação lato sensu devem possuir pelo menos 360 horas de carga horária, entre disciplinas, atividades e estágios (se for o caso), segundo Resolução CNE/CES nº 1. Separamos abaixo as diferenças entre especialização e MBA.

Especialização

A especialização é ideal para profissionais que estão no início da carreira profissional, em níveis como trainee ou júnior. São cursos ideais para aprofundar conhecimentos em uma área específica e atender as necessidade do pós-graduando em relação ao mercado de trabalho.

Muitas vezes, após se graduar, é natural ter dúvidas sobre áreas de atuação, faltando maior aprofundamento sobre a função que se deseja desempenhar. Um bacharel de administração, por exemplo, pode ter uma visão ampla sobre diversos assuntos, mas precisa de especialização para se sentir mais seguro e conquistar cargos mais altos.

MBA

Já o MBA é ideal para quem já está a mais tempo no mercado de trabalho, sendo indicado para pessoas em nível pleno ou sênior. Apesar de ser uma especialização com foco maior em administração, as áreas de MBAs são diversas, desde saúde até tecnologia.

O MBA é uma excelente oportunidade para melhorar a performance dos profissionais e prepará-los para liderar equipes. É um curso que costuma ter mais exercícios práticos e estudos de caso.

Onde fazer pós-graduação online?

A UNAMA é referência quando o assunto é pós-graduação online. Se você deseja trilhar novos rumos profissionais, ganhando mais responsabilidade e sendo melhor remunerado, o ideal é optar por um curso a distância.

Com a mesma qualidade de um curso presencial e sem precisar sair de casa, você garante o certificado como especialista, concorrendo a vagas de nível pleno ou sênior. Os benefícios da pós-graduação UNAMA são:

Melhor custo-benefício

Com cursos que cabem no seu bolso, você não gasta com transporte, estudando no conforto da sua casa. Basta ter um computador ou celular com internet. O preço da mensalidade também é mais em conta, se comparado com cursos presenciais.

Escolha o formato para estudar

Deseja fazer seu próprio horário ou precisa de mais disciplina para acompanhar os conteúdos? Você pode escolher entre a  pós-graduação EAD tradicional ou acompanhar as videoaulas com dia e horário marcados na modalidade Ao Vivo.

Apoio nos estudos

Na UNAMA você conta com um Tutor Guardião que te acompanha durante todo o momento do curso, te ajudando a montar os cronogramas de estudo e te motivando durante a sua trajetória. Além disso, os materiais ficam disponíveis 24 horas no AVA (Ambiente de Virtual de Aprendizagem), para você acessar quando precisar.

Materiais de qualidade

Todos os conteúdos são articulados com as práticas do mercado e tendências das suas respectivas áreas, preparando o profissional para atuar no ambiente corporativo de maneira segura e sólida.

Conclusão em apenas 6 meses

A UNAMA oferece pós-graduações com apenas 6 meses de conclusão. Embora a matriz curricular seja semelhante a de pós-graduações com 12 meses, a diferença está apenas no tempo de integralização. É uma ótima escolha para quem tem urgência na finalização do curso.

Então, se você deseja alcançar cargos cada vez mais elevados, se matricule no melhor curso para você! A UNAMA está de portas abertas para te receber.


Leia também: